1 de jul de 2012

Good bye to romance

Podava a roseira. Jogava os botões de rosas fora. As rosas murchas que ela comprara para si mesma. Ele nunca teria lhe dado rosas. Não que ela quisesse, não é mesmo? Rosas eram apenas mais um clichê. E toda a sua atitude anti-romântica apenas mais um outro clichê.

Foi nessa época que descobriu que clichês podiam ser um estilo de vida - ou mesmo de sobrevivência.

Um comentário:

£ädÿ disse...

sempre digo que clichês são ótimos se você souber usar.