3 de jun de 2012

As aventuras da Ovelha Desgarrada [1]


Ela cansou da mesmice da sua lã branquinha e comportada. Cansou-se de se comportar. Passou máquina 1 de um lado da cabeça. E do outro também - undercut. Pintou-se de rosa-choque, ciano e verde-grito. E gritava ouvindo punk-rock. Fugia do cachorro - quem precisa de cuidado e proteção? E saía pra beber com os lobos - e sempre lhes passava a perna.

Ovelha-negra? Não queria ser, queria um nome novo para a coisa nova que havia se tornado.

Um comentário:

renatocinema disse...

Ela é a ovelha colorida da família......kkk