19 de mar de 2011

Verbalizando

Tem coisas que a gente simplesmente sabe, nem precisaria ouvir. Coisas que simplesmente se sente no íntimo. Entretanto, ouvir "eu te amo" é sempre algo inesperado e sempre me faz feliz. Eu ainda estranho a verbalização das emoções alheias neste mundo de hoje, em que ninguém quer expor o que se sente - e se expor, consequentemente.

Nenhum comentário: